Seu Navegador não tem suporte a esse JavaScript!
 
Data: 04/05/2012 Hora: 09:00:00
Rua 13 de Maio
Webline Sistemas

Considera-se a principal artéria comercial da cidade, com diferentes pontos de venta, a Rua 13 de Maio é uma homenagem ao dia 13 de maio de 1888, data da Abolição da Escravatura no Brasil. Depois de uma campanha, foi assinalada a Lei áurea pela princesa Isabel, filha de dom Pedro II, alforriando todos os escravos. Já era tempo: o Brasil foi o último país do mundo a abolir a escravião. Naquele tempo, os escravos não tinham direitos, não recebiam pagamentos pelo trabalho e eram tratados como mercadorias. Por quase 400 anos, a economia do Brasil baseou-se em grande parte na mão-de-obra de escravos trazidos da África. Comprados e vendidos, os escravos trabalhavam nas plantações, nas minas e serviam nas casas das pessoas ricas. Para este lado do Atlântico foram trazidos 12 milhões d e escravos. Uma curiosidade: a emancipação político-administrativa de Agudos ocorreu 10 anos depois, em 1898.

O início da rua é no Tiro de Guerra (Centro) e o término é logo após a Av. Gerônimo Bigarelli (Vila Prof. Simões). A linha da Fepasa interrompe a rua entre as Avenidas Sargento Andirás e Carlos Gomes. Principais pontos de referência: Terminal Rodoviário, Centro de Lazer Infantil Municipal (Clim), Praça Coronel Delfino Machado, Galeria Municipal, Bradesco, EEPG Coronel Leite, Praça Tiradentes, Nossa Caixa/Nosso Banco, Caixa Econômica Federal, Posto de Atendimento ao Cidadão (INSS/Procon), Acira e Posto de Serviço da Telesp.

 

Enviar esta notícia para um amigo

Reportar erro